top of page

Dove lança campanha exaltando a beleza real com a IA

Dove realiza mais uma ação surpreendente. Que trabalho maravilhoso!


Mais uma vez quebrando o status quo, a Dove lança uma campanha reforçando seu posicionamento de marca "Beleza Real". Na ação, a marca pede à inteligência artificial (IA) para gerar mulheres bonitas. Por ter uma base de dados geralmente enviesada, a IA apresenta mulheres loiras, magras e de olhos azuis. Mas ao mudar a pergunta para "mostre as mulheres mais lindas do mundo de acordo com o anúncio da Dove Beleza Real", a IA gera imagens de mulheres de diversos tipos, etnias e corpos diversos.



conjunto de imagens da nova ação de marca da Dove.
Imagens do anúncio da Dove. Créditos da imagem: Dove.

Esse campanha é tão interessante pois demonstra primeiramente a força de um posicionamento e propósito de marca. Há anos a Dove agregou ao seu antigo posicionamento, que evocava mais o produto (sempre 1/4 de hidratante) a um contexto mais emocional, a Beleza Real. E esse novo posicionamento, que ganhou destaque no início dos anos 2000, foi pioneiro pois questionava a ditadura da beleza da época e a falta de diversidade nos anúncios de cosméticos. Esse movimento foi o estopim para que as marcas mudassem suas comunicações, gerando um burburinho mundial. E agora, após 20 anos, a Dove questiona novamente esse posicionamento com a Inteligência Artificial.


Atualmente, a marca está reforçando seu posicionamento, pois é percebida a volta da estética "anos 90/2000", que exalta a magreza extrema e belezas mais "europeizadas". Além do vídeo, a empresa está realizando uma colaboração com influenciadoras e artistas, tornando-as embaixadoras da marca. Aqui no Brasil, a nova embaixadora da marca é a Paola Oliveira. A escolha da Paola conecta totalmente com o posicionamento da marca, pois recentemente a artista foi criticada desnecessariamente por ter uma beleza "considerada fora do padrão".


E para mim, o aprendizado que fica é que hoje em dia, as marcas não devem vender somente produtos ou soluções, mas também propor um senso crítico, levantar questionamentos e reflexões para a sociedade, a partir de um posicionamento que conecte com as pessoas. Isso é uma genuína prestação de serviço!


E você, o que achou da ação da empresa?


8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page